TRANCINHA DE AMOR

TEMPO TOTAL: 75 mins | DOSES: 10 | DIFICULDADE: Moderado

Preparação: 45 mins | Cozedura: 30 mins

HISTÓRIA

Essa receita me remete a uma infância querida e saudável na casa de meus queridos avós maternos no Brasil, já falecidos. Toda vez que eu ia lá passar o fim de semana minha vó querida, já sabendo que eu amava, preparava para mim esse quitute. Só que as natas que se usava na roça não era essa de caixinha e sim aquela do proprio leite, os ovos eram fresquinhos de galinha caipira, ela na véspera tirava o leite da vaca e no dia seguinte usava aquela nata que se formava em cima para confeccionar os tão deliciosos bicoitos. E ela me deixava ajudá-la, ru fazia uma bagunça danada, mas aquele momento era só nosso.Ela dizia no seu linguajar e jeito tipo de uma pessoa sem estudos , mas no fundo com muita experiência, que todos os momento passados juntos de quem se amava, não importasse quanto tempo durasse, eram momentos de amor guardados para sempre. No começo os biscoitinhos não tinha nome, e eu os batizei de trancinhas de amor e assim ficou.Esses biscoitinho para mim tem sabor de saudade. E desde então tento do meu jeito quando bate a saudade confeccionar essas delicias.

INGREDIENTES E PREPARAÇÃO

2 chávena Açúcar branco
2 Limão
250 g Manteiga
2 Ovos
Fermento em pó
Farinha trigo

Colocar 2 chávenas mais ou menos de açucar, 250 gm de manteiga temperatura ambiente, 2 ovos, misturar tudo e ir acrescentando a farinha de trigo aos poucos, acrescentar duas colheres de sopa cheias de fermento em pó, amassar tudo e por ultimo acrescente a raspa de 2 limões ou limas de tamanho médios, sovar bem até desgrudar das mãos. Não pode ficar muito duro, a massa tem que ficar no ponto de enrolar e fazer as trancinhas. Pré aqueça o forno a 180º. Coloque papel vegetal no fundo das travessas ou tabuleiros, assim não precisa untar e nem esfarinhar. Faça as trancinhas e coloque nos devidos tabuleiros. Dependendo do forno assa de 20m a 30 m, ou assim que estiver douradinho é so tirar.

OUTRAS SUGESTÕES